POLÍTICA

Russos têm informação que podem comprometer a carreira de Donald Trump

Os chefes dos serviços de Informações dos EUA apresentaram material que pode comprometer a carreira de Donald Trump, que estaria na posse do Governo russo ao Presidente norte-americano cessante, Barack Obama, e ao recém Eleito, noticia a CNN.

O referido material, foi apresentado a Trump durante a reunião que teve na semana passada com o diretor das Informações Nacionais (DNI, na sigla em inglês), James Clapper, da polícia federal (FBI), James Comey, e das agências Central de Informações (CIA), John Brennan, e da Segurança Nacional (NSA), Mike Rogers.

O material com a alegada informação comprometedora, de caráter pessoal e financeiro, segundo a CNN, serão de conhecimento muito reservado.

Apenas Obama, Trump e os quatro líderes partidários do Congresso e os quatro principais membros das comissões de Informações do Senado e da Casa dos Representantes conheceriam o seu conteúdo, além dos dirigentes dos serviços de informações.

As páginas sintetizariam um conjunto de 35, que a CNN garantiu já ter visto, que, noticiou, o senador republicano John McCain já teria entregado ao diretor do FBI.

Além da eventual informação pessoal e financeira comprometedora, a CNN adiantou ainda que a sinopse de duas páginas incluiria alegações da existência de um fluxo contínuo de informação entre Trump e o Governo russo, com recurso a vários intermediários.

 Confira o material aqui.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: