BIZARRO

Confira a história da mulher grávida que foi enterrada viva (vídeo)

Uma adolescente chamada Neysi Perez, de 16 anos, da cidade de La Entrada, nas Honduras, foi dada como morta depois de sofrer um ataque cardíaco ao acordar durante um incêndio em casa.

O desespero e a dor marcaram o funeral da jovem que estava grávida e de casamento marcado.

Um dia depois do funeral, Rudy González, o noivo de Neysi, foi ao cemitério levar flores e ouviu uns ruídos estranhos vindos do túmulo.

Em desespero, chamou o coveiro para certificar-se que os barulhos eram reais. O funcionário confirmou a suspeita, assim como outros populares.

Apesar desta história ter acontecido em 2015, continua a dar que falar.

Foram descobertos novos dados e a imprensa internacional volta a dar destaque a este enterro, que de acordo com as reportagens, continua a estar mal explicado.

As autoridades só terem dado autorização para abrir o caixão algumas horas pode ter sido faltal para a rapariga. Ainda foi levada para o hospital, mas foi novamente declarada morta e devolvida à campa de onde tinha sido retirada.

O namorado e a família levaram os médicos a tribunal e garantiram ainda que iriam processar os profissionais que a atenderam após a exumação. Contudo, os médicos, afirmam que Neysi foi enterrada morta e que os alegados ruídos que o rapaz ouviu eram apenas para chamar a atenção.

A verdade é que ao abrirem o caixão, os populares repararam que o vidro estava rachado. Algo que terá sido feito por Neysi, que, em desespero, estaria a tentar libertar-se.

A polícia ainda está a investigar este caso macabro que já há um ano chama a atenção de todo o mundo.

Fonte: Correio da Manhã

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: