POLÍTICA

O projecto das Autarquias provinciais podem ser aprovado dentro de 45 dias

O líder do maior partido da oposição em Moçambique, Afonso Dhlakama, anunciou ontem, na cidade nortenha de Nampula, que dentro de 45 dias vai assinar um acordo com o Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, com vista a pôr termo à crise pós-eleitoral no país.

“Em menos de 45 dias vou assinar um acordo com o Nyusi, que depois vai à Assembleia da República para ser ratificado no sentido de torná-lo operacional”, disse Dhlakama, falando num encontro que manteve com acadêmicos e jovens simpatizantes do maior partido de oposição.

Dhlakama87

“O acordo vai acomodar o anteprojeto das autarquias provinciais chumbado pela maioria da Frelimo no parlamento”, disse Dhlakama, sem avançar mais detalhes.

Segundo avançou a Lusa, o líder da perdiz disse que já sabia que o partido maioritário ia chumbar o anteprojeto das autarquias provinciais, considerando que “seria vergonhoso a Frelimo aceitar um projeto da Renamo por ter melhor qualidade de governação”

“Por isso vou assinar um acordo com o Nyusi”, acrescentou Dhlakama.

A Presidência da República moçambicana ainda não confirmou nenhum entendimento com Afonso Dhlakama,

Filipe Nyusi participa a partir de hoje na Assembleia Anual do Banco Africano de Desenvolvimento (BAD), que decorre na sede da organização em Abidjan, capital da Costa do Marfim,

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2 Comentários

  1. Carlos Tembe disse:

    Em Mocambique queremos apenas PAZ,PAZ,PAZ E MAIS NADA.

  2. Carlos Tembe disse:

    EM MOCAMBIQUE SO QUEREMOS PAZ,PAZ,PAZ,PAZ E MENOS NADA.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.