POLÍTICA

Daviz Simango diz que o Governo deve reagir de forma dura as declarações do Presidente Turco

O presidente do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), disse que o governo moçambicano deve reagir de forma dura e clara às afirmações do Presidente turco de que Moçambique alberga pessoas que pretendem derrubar o Governo de Ancara, avançou a agência Lusa.

“O Governo deve reagir de forma dura e clara, porque a acusação de que Moçambique está a acomodar terroristas é grave”, declarou Daviz Simango, citado pela Lusa.

Em contacto com o Jornal O País, o também Edil da cidade da Beira defendeu que não se pode permitir que, de forma leviana, Moçambique seja considerado um país acolhedor de terroristas.

“Nós não somos acolhedores de terroristas. É preciso provas e há tribunais que podem julgar esse tipo de casos. Perseguir opositores num outro país, chamando-os terroristas, é extremamente grave”, acrescentou Simango.

Daviz Simango considerou chantagem a exigência do chefe de Estado turco de que sejam neutralizados os alegados elementos hostis ao seu Governo e sejam encerradas as instituições que dirigem em Moçambique, na mesma declaração em que expressou a disponibilidade da Turquia para o reforço da cooperação económica com Moçambique.

“Se de facto o Governo turco quer apoiar o povo moçambicano, dentro de uma política internacional de solidariedade, que o faça sem chantagem, nem contrapartidas desse gênero”, acrescentou Simango.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário

  1. Huggos Delarua disse:

    Somos acolhedores de terroristas, traficantes e toda porcaria que se predispõe a pagar aos cobradores de imposto, aos representantes da Lei e da ordem, pela fresta, uma vida cómoda.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: