POLÍTICA

“O Governo moçambicano enganou-nos ao não divulgar as dívidas” diz vice-presidente do banco russo VTB

Durante uma entrevista à agência de notícias Bloomberg, Yuri Soloviev disse que a instituição foi enganada pelo governo moçambicano, pelo facto de não ter revelado as dívidas de várias empresas públicas aos investidores e ao Fundo Monetário Internacional (FMI).

“O Governo moçambicano enganou-nos ao não divulgar as dívidas com garantia estatal contraídas por várias empresas públicas em 2012 e 2014”, disse o vice-presidente do banco russo VTB em relação ao empréstimo concedido ao Estado de Moçambique.

Soloviev adiantou que o banco VTB já não é detentor da dívida, mas garantiu que não abandonou os investidores “já que somos responsáveis enquanto agentes nos empréstimos e na emissão de dívida em moeda estrangeira”.

Aquele responsável disse não saber se Moçambique vai conseguir pagar em Janeiro a parcela de 38 milhões de dólares relativa à emissão de dívida que fez este ano.

A situação com esta dívida é muito dura, nós não sabemos se eles vão conseguir pagar”, reiterou Yuri Soloviev, lembrando que o banco está a ser paciente e “a tentar resolver a situação”.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário

  1. omardine juma disse:

    agora moçambique ja falaceu. agora é republica de divida ocultas.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: