POLÍTICA

Nigéria vende bens e dois jatos presidenciais num plano de contenção de custos

Em contacto com a imprensa nigeriana, o porta-voz do presidente nigeriano disse que o governo irá vender 2 dos seus 10 aviões presidenciais, no intuito de arrecadar receita para ajudar nas despesas públicas e conter os custos.

“Anúncios de venda dos jatos executivos Falcon 7X e Hawker 4000 serão publicados nos jornais brevemente”, adiantou Garba Shehu.

“Alguns dos outros bens presidenciais também serão doados a Força Área Nigeriana para aprimorar as operações”, acrescentou.

Em uma pastagem no Facebook, Shehu disse que a diminuição dos privilégios presidenciais foi uma promessa da campanha presidencial feita por Buhari antes da sua eleição no ano passado e será cumprida. “Este desafio ainda esta muito longe de ser cumprido”, avançou o porta-voz do presidente nigeriano.

A economia nigeriana entrou em recessão em Agosto. O governo depende da venda de petróleo para cobrir cerca de 70% das suas despesas, ou seja o país depende quase que exclusivamente disso para se manter no momento – e com a descida global dos preços de petróleo criou um grande colapso naquele país Oeste-africano, avançou a BBC.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: