NOVIDADES

INAM diz que previu a tempestade, mas o equipamento em que opera não permitiu obter a dimensão da magnitude

O instituto Nacional de Meteorologia, avançou que o mau tempo que se abateu na passada segunda-feira nas províncias de Maputo e Gaza, estava previsto nas leituras sobre as previsões meteorológica feita pela instituição.

O INAM disse que não foi possível emitir o alerta por que houve aspectos não pormenorizados, que podem ultrapassar o modelo através do qual o Instituto opera.

“O Instituto Nacional de Meteorologia, dentro do seu Boletim Meteorológico fez a menção da ocorrência de trovoadas, aguaceiros e ventos fortes. Não obstante, não termos feito a menção da sua magnitude, por que não estava dentro daquilo que é a resolução dos modelos.”

“Nos estamos a falar de um fenômeno de Micro escala que ocorre relativamente num período muito curto, e nós estamos a usar os modelos Regionais e Globais.

Esses Modelos por vezes não detectam fenômenos de Micro-escala. São fenômenos bem localizados, e que ocorrem num período de tempo muito curto e ocorrem muito rapidamente.”

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: