POLÍTICA

PRM descobre esconderijo de armas na base da Renamo em Manica

A Polícia da República de Moçambique (PRM), ao nível da província central de Manica, diz que descobriu na quarta-feira passada (31), um esconderijo com munições de “artilharia pesada”, numa antiga base do maior partido da oposição no país, em Mucuti Um, Moha, distrito de Sussundenga, avançou a Lusa.

No esconderijo, situado na cadeia de montanhas da reserva de Chimanimani, foram encontradas 11 munições de morteiro de 82 milímetros e uma arma de tipo Mauser com cinco munições, em bom estado de conservação, disse Elsídia Filipe, porta-voz do comando da Polícia de Manica.

“É material operacional e podia ser usado”, precisou Elsídia Filipe, sobre um armamento de “potencial risco” depositado a cerca de 50 quilómetros a sul da sede distrital de Sussundenga.

A porta-voz disse que a descoberta vai ser investigada, uma vez que esconderijo de armas corresponde a uma antiga base militar da Resistência Nacional Moçambicana (Renamo), e onde recentemente foram relatados novas movimentações do braço armado do maior partido de oposição.

“Já temos pistas em relação relativamente aos autores desta ação, até porque este ponto, onde foi encontrado [o armamento], foi base da Renamo no último conflito militar, mas ainda não podemos afirmar de forma categórica que foram eles [Renamo]”, explicou Elsidia Filipe, em contacto com a Lusa.

O material bélico, que hoje foi apresentado a imprensa na sede distrital de Sussundenga, foi recolhido e depositado “num local apropriado”.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

3 Comentários

  1. Aly Faque disse:

    Voces militares da renamo e voces militares do governo devem refletir saibam que são filhos dos pobres e que estão se matar entre pobres os ricos noma boa. Ricos da frelimo numa boa ricos da renamo numa boa que sou falam ali na assempleia da republica a receberem milhões de meticais e voceis entre pobres a si matarem. E nem ganham nada com isso os vossos filhos apenas ficam sem voceis vossos pais ficam srm voceis abandonem isso é urgente. Reflitam urgem estão a se avabarem entr voceis pobres.

  2. Paulo matola disse:

    A renamo é um grupo de criminosos não partido político

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: