POLÍTICA

Negociações de paz suspensas até 10 de Outubro

O Governo moçambicano, o maior partido da oposição na nossa pérola do “Atum” e a mediação internacional suspenderam hoje, sexta-feira (30), as negociações até o décimo dia do mês de Outubro, para analisarem em separado os pontos em agenda.

“Esta pausa vai servir para a análise dos assuntos que já estão na mesa “, disse Mario Raffaelli, o coordenador da equipa de mediadores internacionais.

Raffaeli, avançou ainda que durante esse período, o Governo e a Renamo vão reflectir em torno da exigência levantada pela “perdiz” de governar nas seis províncias e a cessação dos confrontos militares entre as Forças de Defesa e Segurança e os Homens Armados da Renamo.

Além do estudo dos referidos pontos de agenda, acrescentou Mario Raffaelli, as partes terão espaço para a preparação de documentos sobre os pontos de agenda que estão a ser debatidos.

“É uma pausa oportuna e que coincide com uma data importante [4 de Outubro]”, afirmou. O coordenador dos mediadores adiantou que a subcomissão criada para a preparação de um pacote legislativo sobre a descentralização continuará os seus trabalhos.

Esta é a segunda suspensão, do actual processo negocial em Moçambique, a pedido dos mediadores.

 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário

  1. Sempre é bem e bom consolidar a pagina

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: