POLÍTICA

Homens Armados da Renamo assassinam chefe de posto da PRM em Nampula

Um grupo de 10 homens Armados da Renamo, assassinou ontem, quinta-feira (8), o chefe do posto da Policia da República de Moçambique (PRM) em Luluti, na província nortenha de Nampula,  avançou a agência Lusa.

Zacarias Nacute, porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM) ao nível da província de Nampula, disse à Lusa que o ataque ocorreu cerca das 05:00 locais naquele posto administrativo do distrito de Mogovolas e foi dirigido por dez Homens Armados do maior partido da oposição na nossa pérola do “Atum”, que se colocaram depois em fuga.

O chefe do posto policial, segundo Nacute, foi atingido mortalmente quando se dirigia para a sua residência, tendo os outros agentes do posto policial acorrido ao local quando ouviram os tiros e iniciado, sem sucesso, uma perseguição aos atacantes.

“A situação de ordem e segurança pública foi mantida e a população está a circular normalmente”, disse ele citado pela Lusa.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

3 Comentários

  1. A final os homens da Renamo o que eles querem?

  2. Amido Mussa disse:

    O chefe do posto policial, segundo
    Nacute, foi atingido mortalmente quando
    se dirigia para a sua residência, tendo os
    outros agentes do posto policial acorrido
    ao local quando ouviram os tiros e
    iniciado, sem sucesso, uma perseguição
    aos atacantes. OS AGENTES da PRM, ouviram tiros, e fizeram uma perseguiçao sem sucesso. A minha pergunta é: Que certeza têm que foram homens da Renamo? Porque ninguem viu os atirados e a perseguiçao foi aem sucesso.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: