BIZARRO

Terrorista suicida escondeu explosivos na “camisola de Messi”

Jovem que se preparava para fazer um ataque suicida em Kirkuk, no Iraque, foi barrado pelas autoridades Iraquianas.
O menor, bombista suicida, escondia explosivos numa camisola do craque do Barcelona e da seleção Argentina, Messi, que tinha vestida.

Segundo o general Khattab Omar Aref, chefe da polícia de Kirkuk, o rapaz pensava acionar o cinto de explosivos num local de culto xiita, mas as autoridades conseguiram detê-lo a tempo.

Recorrer a crianças para levar a cabo ataques suicidas tem sido uma técnica cada vez mais utilizada pelo Estado Islâmico. Recorde-se que na noite de sábado, em Gaziantep, na Turquia, um jovem entre os 12 e os 14 anos fez-se explodir numa festa de casamento.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.