POLÍTICA

Mediadores internacionais chegam hoje em Maputo

Os mediadores internacionais convidados para a mediação do diálogo político, entre o Presidente da república, Filipe Jacinto Nyusi, e o líder do maior partido da oposição no país, Afonso Dhlakama, são esperados hoje, segunda-feira (11), na capital moçambicana, Maputo, para iniciarem os trabalhos da mediação para a paz e tranquilidade no país.

Informações divulgadas, semana finda, pela Rádio alemã Deutchewelle (DW), referem que a União Europeia (UE) e a Igreja Católica, juntamente com o presidente sul-africano, Jacob Zuma – os escolhidos da Renamo para a mediação – já tinham recebido as cartas convidando-os para mediar as conversações.

De acordo com a DW, que cita a agência de notícias Lusa, a delegação da UE em Maputo recebeu uma carta do chefe de Estado,  Filipe Nyusi, endereçada ao presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, com o convite formal para integrar a equipa de mediadores nas negociações de paz.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário

  1. ilton inacio disse:

    epah eu em particular so desejo a paz

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: