POLÍTICA

Irmão e empregado de um deputado da Renamo assassinados na Zambézia

Homens Armados invadiram na noite da terça-feira passada (5), a residência do deputado da Assembleia da República e delegado político distrital da Renamo em Namacurra, na província central da Zambézia, Simões Paulo Mário, onde assassinaram o seu irmão e o seu empregado.

Segundo avançou o semanário Canal de Moçambique, o maior partido da oposição no país não tem dúvidas e diz que as vítimas foram assassinadas pelos “esquadrões da morte”.

Segundo apurou a fonte citado acima, as vítimas são Brito Paulo Mário, irmão do deputado Simões Paulo Mário, e o empregado, de nome Lindre, que, na altura, se encontravam na sala da residência de Simões Mário a ver televisão.

Existem informações segundo as quais os atiradores penetraram no interior da casa com o objectivo de assassinar Simões Mário.

Segundo as nossas fontes, Brito Paulo Mário foi confundido com o irmão, o deputado Simões Paulo Mário, dado que eram muito parecidos.

 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: