POLÍTICA

PRM prende mandante de crimes de tráfico de órgãos humanos

A Polícia da República de Moçambique (PRM) ao nível da província central de Tete, prendeu um suposto mandante de crimes de tráfico de órgãos humanos.

Segundo avançou a Rádio Moçambique (RM), o cadastrado de 32 anos, andava fugitivo da Polícia após ter consumado um crime de tráfico e extracção de órgão humanos, em Fevereiro passado.

A porta-voz da PRM em Tete, Lurdes Ferreira, disse que a corporação está neste momento a trabalhar no sentido de neutralizar todos os indivíduos coniventes com o caso.

Lurdes Ferreira adiantou que a corporação está ainda no encalço de dois indivíduos acusados de castração de órgãos genitais de um jovem de 23 anos.

“Este caso ocorreu no povoado de Cachoeira, distrito de Moatize, onde indivíduos desconhecidos, em número de dois, interpelaram o jovem, pastor de gado bovino. Imobilizaram-no e com recurso a uma faca, cortaram parte dos órgãos genitais e ainda roubaram parte do gado que ele pastoreava na mata de Cachoeira. O indivíduo foi socorrido no hospital local e posteriormente transferido para o hospital provincial de Tete, onde está a receber cuidados médicos”, disse a Porta-voz da PRM em Tete, citado pela RM.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário

  1. Estou mi informando pelo este site

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: