POLÍTICA

PGR não encontrou indícios de corrupção envolvendo Guebuza e ENI

Após uma investigação feita pela procuradoria de Milão, Itália, à empresa italiana de hidrocarbonetos ENI ter concluído que o antigo chefe do estado moçambicano, Armando Guebuza, estaria envolvido num esquema de corrupção e tráfico de influências com a empresa italiana, a Procuradoria-Geral da República nacional resolveu investigar o caso.

Durante a leitura da Informação Anual da Procuradoria-Geral da República, a procuradora moçambicana, Beatriz Buchili, disse que não encontrou indícios de corrupção envolvendo Guebuza e ENI.

“As notícias davam conta que a Procuradoria de Milão, na República da Itália, estaria a investigar o caso. Na sequência, desencadeamos mecanismos para recolha de informação junto da congénere italiana, tendo recebido a informação de que não existia nenhum processo que envolvia aquele dirigente. A averiguação foi arquivada por falta de matéria”, disse Beatriz Buchili.

julgamento por críticas a guebuza
Importa referir, que em Maio do presente ano, o diário italiano Il Fatto Quotidiano, avançou que Guebuza terá oferecido à empresa de hidrocarbonetos ENI uma isenção de impostos na venda das suas acções à China National Petroleum Corporation (CNPC) em troca de favores não especificados.

De acordo com gravações telefônicas no poder da Procuradoria italiana, Guebuza terá ainda oferecido um terreno paradisíaco no Bilene, sul país.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

4 Comentários

  1. sitoe disse:

    Como, sempre, só há indícios quando são mau mas envolvidos mas Atum, esqueçamos nunca haverá crimes e nem criminosos. Pois a PGR é herdeira da Ematum.

  2. Florindo Raitone disse:

    gosto muito desse web site

  3. Nao devia ser o presidente a nomear dirigentes.isso leza a constituicao….

  4. tadeu disse:

    como se espera um bom resultado de ivestigaçao de casos, sabendo que a própria procuradora foi nomeada pelo acusado???????
    é mesmo q mandar um sobrinho prender o tio q será julgado pelo seu proprio filho na esquadra da esposa dele!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: