BIZARRO

Mulher mata marido por recusar sexo

Uma mulher de nacionalidade indiana, de 54 anos de idade, identificada por Vimla Vaghela, foi condenada a prisão perpétua pelo tribunal da cidade de Ahmedabad, na Índia, por matar o marido, Narsinh, depois de o companheiro ter recusado sexo.

O crime aconteceu na tarde de 2 de novembro de 2013, quando Vimla estava sozinha em casa com a vítima.

O homem recusou ter relações sexuais, o que fez com que a indiana colocasse em causa a sua fidelidade e se enfurecesse.

A criminosa pegou numa vara de madeira e bateu na cabeça de Narsinh até à morte.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

5 Comentários

  1. fernando gil manuel disse:

    Muito triste ixo. Sinal d que o mundo ta n fim.

  2. matadelio disse:

    Ya o mundo xta doente

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.