POLÍTICA

“O estado moçambicano está acomodado ao crime” diz Jaime Macuane

Durante o programa Pontos de Vista da semana finda, José Jaime Macuane entende que o pedido de proteção dos magistrados é um sinal de falência do estado em matérias de segurança.

“O que está a acontecer neste momento, não é nada mais do que as mazelas de um estado que os agentes do estado não cumprindo com a sua função e com o seu sentindo de servidores públicos, foram sendo complacentes, seja por pressão políticas ou outras razões, foram sendo complacentes com um estado que está a dar sinais de falência” disse José Macuane.

Numa outra abordagem, Macuane foi mais longe ao afirmar que o estado está acomodado ao crime, por isso não clarifica os assassinatos que se tem registado na nossa pérola do índico.

“Um sistema de justiça que se acomoda perante o crime desta forma e, portanto não existe alguém que toma a iniciativa e tenha a coragem necessária de cumprir com aquilo que é a função do estado, que é não só proteger, mas que pelo menos esclareça esses crimes violentos e se responsabilize quem é o seu autor” sentenciou Macuane.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: