DESPORTO

Estado Islâmico assassina a queima roupa 12 adeptos do Real Madrid

O grupo terrorista denominado Estado Islâmico, matou a queima roupa pelo menos 12 adeptos do Real Madrid, na madrugada do último domingo, em Baakouba, no Iraque.

Segundo avançou o jornal espanhol AS, os adeptos encontravam-se numa casa do emblema madrileno. O ataque foi levado a cabo por quatro homens momentos antes da marcação de grandes penalidades da final da Liga dos Campeões, que colocou frente a frente merengues e colchoneros, este sábado, em Milão.

“Os terroristas dispararam indiscriminadamente contra os adeptos”, disse o presidente da casa do Real Madrid em Baakouba, Ziad Albidani.

O primeiro balanço dá conta da morte de 12 pessoas e oito feridos.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.