SOCIEDADE

Surpreendido com telemovel, candidato à UP fractura as duas pernas ao saltar do 1 andar

Um candidato à Universidade Pedagógica, delegação de Quelimane fracturou as duas pernas ao saltar do primeiro andar, isto após de ter sido surpreendido com um telemóvel em plena sala de exame, na passada Segunda-feira.

Segundo Fontes, o candidato terá sido surpreendido com o telemóvel com todas as respostas do exame. Questionado pelo supervisor do exame sobre a proveniência das respostas, este pôs-se em fuga, tendo de seguida saltado do primeiro andar das instalações onde funciona a Universidade Pedagógica em Quelimane.

Falando à Radio Moçambique, o candidato refutou as acusações que pesam sobre ele, tendo afirmado que se descuidou depois de encostar o muro de protecção do edifício.

“Eu não sei, em circunstâncias estranhas, não sei como é que foi, só vi que cai mesmo. É azar porque na caminhada para a faculdade bateram-me de carro. Eu encostei o muro e tive aquela queda. Não cheguei de me aperceber, só vim a ser recolhido ali no chão, um pouco consciente“, explicou o candidato, citado pela Rádio Moçambique.

(RM)

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: