POLÍTICA

Bandidos assassinam delegado da Renamo em Tete na frente da família

O incidente ocorreu no mesmo dia em que a comitiva do líder do maior partido da oposição no país, Afonso Dhlakama,  foi atacada no distrito de Gondola, Província de Manica, centro do país.

Tudo aconteceu na localidade de Nkondezi, no distrito de Moatize, em Tete, centro do país, onde malfeitores armados ainda por identificar foram a residência de Elesson Jonasse, de 47 anos de idade, delegado político da Renamo, e assassinaram-no, a sangue frio, com recurso a uma arma de fogo, em frente dos seus filhos, menores de idade, e da sua esposa.
O porta-voz e deputado da Renamo, António Muchanga, disse que o malogrado foi assassinado na frente dos familiares.

Antonio Muchanga, Porta-voz da Renamo

 “Assassinaram o homem na sua casa diante dos filhos e da mulher (…)”, disse António Muchanga citado pelo A Verdade.
Já o semanário Canal de Moçambique avançou que os supostos bandidos fizeram-se passar por elementos da “Perdiz” que necessitavam de ajuda urgente de Elesson Jonasse.

Segundo o jornal acima citado, Marcos Vululu, vizinho e pastor de uma igreja local, disse que “um grupo armado” dirigiu-se ao domicílio do malogrado, bateu à porta em nome dos membros da Renamo mas não foi autorizado a entrar devido à desconfiança dos donos da casa.

Por via disso, os malfeitores recorreram à musculatura, deitaram a porta abaixo, pegaram no delegado desta formação política e abriram fogo contra ele perante a família, tendo-o alvejado com dois tiros, um na testa e outro no tórax, o que ditou a sua morte imediata.

A mulher da vítima pôs-se aos gritos e banhou-se em lágrimas, o que despertou a atenção das pessoas mais próximas.

Féliz Assomati, delegado provincial deste partido em Tete, confirmou o caso àquele semanário e acrescentou que os seus colegas sofrem perseguições encetadas pela Frelimo nos distritos de Tsangano, Macanga, Moatize e Angónia. Por causa disso, os visados pernoitam nas matas.

Loading...

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: