ÚLTIMA HORA!

Renamo diz que Ordem para assassinar Dhlakhama veio directamento de Nyusi, e tem provas disso

A Renamo, através do secretário-geral, Manuel Bissopo, anunciou, ontem, em conferência de imprensa, que tem provas e matéria suficiente para afirmar que o ataque perpetrado contra a comitiva de Dhlakhama, na noite do último sábado, em Manica, foi executado por General Mussa, por ordem do presidente da República Filipe Jacinto Nyusi.

A Renamo acredita que o General Mussa, natural de Nampula, em frente da operação que visava matar o Líder da Renamo tenha recebido ordens directas do Senhor Filipe Jacinto Nyusi, Presidente da Frelimo e seu superior hierárquico. Acreditamos que o Ministro da Defesa e o Chefe do Estado Maior General sejam coniventes nessa tentativa de assassinato do nosso Presidente.”  Refere o comunicado.

Recorde-se que a comitiva de Afonso Dhlakama foi vítima de um ataque no passado dia 12 de Setembro, na região de Vanduzi, Manica, no qual resultou em quatro feridos, tendo o presidente da Renamo saído ileso do incidente.

A Frelimo por sua vez, através do seu porta-voz, Damião José, disse ainda nesta semana que a Renamo simulou o suposto ataque e duvida das intenções deste partido ao levar a cabo tal prática.  No habitual briefing do comando-geral da PRM, o porta-voz  negou a autoria do ataque  a reiterou  que a Renamo apresentasse provas e evidencias que concorressem para o esclarecimento do caso.

Loading...

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário

  1. todo uqui vi nesta notícia é muito estranho da intender q o mundo tá no fim.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: