NOVIDADES

Xenofobia: Lojas de cidadãos estrangeiros incendiadas na África de Sul

Quando tudo parecia estar resolvido, África de Sul volta a registrar nova onda de ataques Xenófobos.

11 pessoas foram presas em conexão com os ataques xenófobos, três lojas de cidadão estrangeiros foram incendiadas e pelo menos 18 lojas foram saqueadas, perto da cidade de Free State de Petrus Steyn.

O porta-voz da Polícia daquela região, Mmako Mophiring, disse que tudo começou depois de um casal ter brigado, em que o homem é estrangeiro e a esposa é Sul Africana.

“Isso foi resultado de uma briga conjugal, em que um homem bateu na sua mulher. Ela revoltada com a situação, pegou numa estaca e feriu-o gravemente e dai começou a confusão”, disse o sargento Mophiring.

Na terça-feira passada a situação era tensa e muitos dos comerciantes estrangeiros tiveram que tirar as mercadorias das suas lojas.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário

  1. São marginais de primeira. Zuma deve ser invergonhado aqui em Moz

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: