POLÍTICA UTILIDADE

Xenofobia: Jacob Zuma diz que os líderes africanos devem assumir parte da culpa

“Não nos culpem: O Presidente Sul Africano, Jacob Zuma, disse que os líderes africanos devem assumir parte da culpa devido ao afluxo de estrangeiros na África do Sul” 

Isto foi o que o presidente Jacob Zuma disse a milhares de pessoas que se fizeram presente nas celebrações do Dia da Liberdade em Union Buildings, Pretoria.
Zuma foi mais longe afirmando que a África do Sul só foi culpada pelos ataques contra cidadãos Sul Africanos, mas contra os estrangeiros a disputa surgiu devido ao trabalho, disputa essa que teve a sua gênesis em KwaZulu-Natal e que posteriormente se espalhou para Gauteng.

Jacob-Zuma-ANC

“Por mais que tenhamos um problema, os países vizinhos contribuem para isso. Não é sábio criticar a África do Sul como se nós maltratássemos cidadãos estrangeiros”, disse Jacob Zuma.

Pelo menos sete pessoas morreram no mais recente surto de violência xenófoba, entre elas um menino Sul-Africano de 14 anos idade. Cerca de 2.000 estrangeiros tiveram que ser retirados das suas residências e actualmente estão a viver em campos improvisados em KwaZulu-Natal e Gauteng.

“Toda a gente critica a África do Sul como se nós fabricássemos problemas”. Deveriam perguntar o que fez com que os cidadãos estrangeiros migrassem para a África do Sul” sentenciou Jacob Zuma.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: