NOVIDADES

Cerca de 4.000 pessoas, incluindo 1.600 estrangeiros ilegais foram presas durante os ataques xenófobos

Mais de 3.900 pessoas – incluindo 1.650 imigrantes ilegais – foram detidas na África do Sul durante os últimos ataques Xenófobos no mês passado (Abril). A informação foi avançada pelas autoridades Sul Africanas no Domingo (17).

“Estamos satisfeitos por termos estabilizado a situação, por conseguirmos evitar mais banhos de sanguem. As agências de segurança continuam a trabalhar contra o relógio para proteger tanto os cidadãos estrangeiros e cidadãos sul-Africano contra qualquer ataque “, disse o governo Sul Africano por intermédio de um comunicado emitido no Domingo passado.

As detenções começaram depois de pelo menos sete pessoas terem perdido a vida nos ataques xenófobos, das quais os trabalhadores migrantes do Zimbabué, Moçambique e outros países Africano, foram aterrorizadas e forçados a abandonar suas casas.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: