POLÍTICA ÚLTIMA HORA!

Joaquim Chissano hospitalizado na África de Sul

O segundo Presidente de Moçambique após a independência nacional, Joaquim Alberto Chissano, encontra-se internado desde o dia 13 de Abril de 2015, no Hospital Militar de Pretória, África do Sul, devido a uma infecção gastrointestinal.

A gastrointestinal é uma doença que ocorrem nos órgãos do sistema digestivo, tais como: intestino, intestino grosso, intestino delgado, estômago, esófago, pâncreas, cólon e fígado. Essas doenças, podem ser acompanhadas de fortes dores, resultantes da inflamação ou até mesmo deterioração de alguns dos órgãos do sistema digestivo.

Joaquim Chissano ex-presidente da República

Joaquim Chissano ex-presidente da República de Moçambique

De acordo com um comunicado de imprensa à Moz Massoko teve acesso, o ex-Presidente da República, Joaquim Chissano, começou a se sentir mal quando o mesmo estava a caminho da África do Sul, ido do Ghana, onde, no último sábado foi distinguido com o título “Doutor Honoris Causa”, pela Universidade de Estudos e Desenvolvimento (UDS), daquele país africano.

Na República Sul-Africana, o antigo chefe de Estado deveria participar na reunião dos “Campeões para uma Geração Livre do HIV/SIDA”, na qual tomaram parte os Antigos Chefes de Estado Festus Mogae, do Botswana; Kenneth Kaunda, da Zâmbia, Benjamin Mkapa, da Tanzania, e Alpha Konaré, antigo Presidente da União Africana (OUA).

O relatório clínico da conta que Joaquim Chissano apresenta um quadro clínico estável e com tendência a melhoria, mas continua hospitalizado por decisão do corpo clínico, a fim de melhor acompanhar a evolução da sua saúde.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.